Oi lindas, devido aos últimos vídeos do canal muito polêmicos percebi uma certa cobrança das meninas que ainda não conseguiram entender o que realmente uma hidratação faz, vamos lá então!

fri4-3

Vamos começar falando sobre o cabelo: O fio possui três camadas, a cutícula (primeira camada que é igual escamas de peixe), córtex (o coração do cabelo, onde se encontra a queratina, aminoácidos, pigmentos…) e a medula (não tem função). Ele também tem uma composição química de: Protéinas 70-85%, Água 10-15%, Lipídios 3-6%, Pigmentos 1% + minerais e carboidratos 0,05- 0,5%. Esses valores podem variar, pois cada literatura trás valores diferentes, mas, eles nunca fogem disso por exemplo: alguns livros dizem que o cabelo possui até 90% de queratina, já outros dizem que é 85%, mas os valores são sempre parecidos.

Quando se fala em recuperação dos fios, pode-se falar em relação à cutícula do fio onde tenta-se restaurar a sua integridade tornando-a mais homogênea e não descamativa, e dessa forma faz com que a penteabilidade, a eletricidade estática e o brilho se mantenham em níveis adequados.  

(Dr. Valcinir Bedin, Cosmetics &Toiletries vol.18).

Então o que acontece e que as pessoas não entende é que um cabelo brilhoso, não significa um cabelo saudável. A propriedade de brilho está relacionada a propriedade de reflexão de luz, quanto mais a cutícula está fechada mais luz o cabelo vai refletir consequentemente deixando-o mais brilhoso. E o que deixa a cutícula fechada é o pH ácido de um produto e não um aminoácido ou outro componente que vai reconstruir e hidratar. O que é muito comum hoje em dia são meninas falando: ahhh meu cabelo está sem vida, precisa de uma reconstrução que vai deixá-lo mais brilhoso, macio, penteável… mas não é bem assim, pois como observamos acima um cabelo com a cutícula fechada é o que dará essas propriedades, por exemplo: os cabelo loiros tendem a não brilhar tanto porque o processo de descoloração abre a cutícula do cabelo deixando-o mais opaco. Existem sim produtos que vão ajudar a dar mais brilho para os cabelos, como exemplo os silicones e óleos que já tem essa propriedade de serem mais gordurosos e brilham. Quando aplicados no cabelo eles formam uma película por fora do fio que deixa o cabelo sim mais brilhoso, mas não são eles que determinam um cabelo saudável ou nutrido.

Sem Título-1

Como Dr. Valcinir Bedin,  diz que todas essas propriedades estão relacionadas a cutícula do cabelo, certo? Mas e os aminoácidos, emolientes, pantenol o que fazem no cabelo?

♥ Emolientes – Formam barreira contra entrada de substâncias químicas para o interior da fibra, dentre eles temos:

– Silicones;

– Ésteres sintéticos: Éster dicaprílico,Miristato de isopropila, Palmitato de isopropila, Éster de oliva.

– Manteigas vegetais: Manga,Karité, oliva, Murumuru, cupuaçu, andiroba.

– Óleos vegetai;

– Vaselina sólida e óleo mineral;

– Ceramidas podem restabelecer a coesão entre células protegendo a perda proteica durante processos químicos.

-Óleo de argan: Sua atividade se deve ao poder de lubrificar o fio de cabelo, protegendo-o da perda de água.

Vocês podem observar que eles apenas formam barreiras e películas dentro e fora do fio, só que as pessoas denominaram isso como Nutrir. A palavra nutrir para a pele significa levar nutrientes para seu interior, porém, para o cabelo essa função de nutrição quando ligada aos emolientes será superficial formando apenas barreiras e películas. Se você quiser o cabelo com nutrientes, aconselha-se fazer o uso por via oral.

♥Pantenol- É um constituinte natural dos cabelos e por ser uma molécula pequena penetra na raiz e no corpo do cabelo produzindo um efeito condicionador, tornando o cabelo mais fácil de pentear, e mantendo sua aparência natural. Em cabelos danificados quimicamente penetra na raiz e nos fios e é capaz de reter água do meio, proporcionando ao cabelo um efeito umectante, formando uma camada elástica por dentro e por fora do fio.

– D- pantenol é uma pró-vitamina B5 o ácido pantotênico 

Em estudos realizados o ácido patotênico consegue aumentar o diâmetro do cabelo, a espessura. Conforme ele vai se depositando ali consegue sim aumentar a espessura, mas não significa que ele vai reconstruir o fio.

♥ Proteínas- Tem efeito efeito filmógeno, formam barreira semipermeável e não oclusiva. Protegem e evitam a perda de água dos fios, e tem capacidade de se ligar aos fios (substantividade) é a base de seus efeitos, este filme reduz a evaporação de água, contribuindo para o aumento da hidratação.

– Colágeno, Queratina, Proteína do Trigo

Como voces observam, a proteína que muitas dizem reconstruir o cabelo é uma macromolécula, ou seja, muito grande e não consegue entrar no fio. A única coisa que ela faz é um filme por fora do fio que evita a perda de água que já possui dentro dele.

Aminoácidos- podem permear as cutículas carregando moléculas de água para dentro do cabelo, são estruturas de característica anfótera que vão ajudar a neutralizar as cargas estáticas do fio dando uma melhor penteabilidade aumentando o volume do cabelo.

SUAS FUNÇÕES:

  • Melhora a maleabilidade- cutícula
  • Melhora a pentabilidade- cutícula
  • Reduz danos durante tratamento químico- capa protetora
  • Previne formação de pontas duplas- capa protetora
  • Melhora o brilho e textura- cutícula
  • Promove e mantém a hidratação- hidratação=água
  • Protege os fios dos efeitos de alta umidade e relativa do ar- capa protetora
  • Efeito potencial de condicionamento- anfótero, catiônico
  • Diminui irritação e estabiliza espuma em shampoos- anfótero

Observa-se então que a função dos aminoácidos além de levar água para dentro do cabelo que aumentam a hidratação (e não reconstrução), formam uma capa protetora ajudando a proteger o fio. * As informações faladas acima sobre os componentes foram pesquisadas e afirmadas pelas professoras: Ana Júlia von Borell du Vernay França (graduada em Farmácia Industrial e especializada Tecnologia de Cosméticos) e Daniela da Silva (graduada em Farmácia Industrial e Mestrado em Ciências Farmacêuticas)

Conclui-se então que os componentes acima ajudam a melhorar o melhor ASPECTO do fio, melhorar o brilho, penteabilidade e maciez que estão relacionados a cutícula do cabelo. Um cabelo aparentemente brilhoso e sedoso não significa que é saudável, pois a partir do momento que você utilizar qualquer química e degradar aquela área, nada vai faze-lo se regenerar pois é considerado uma célula morta. O que podemos fazer para Nutrir o cabelo é através da alimentação que segunda a literatura é a melhor forma e mais rápida para nascer cabelo saudável.

Porém apesar dos produtos formarem capas protetoras e melhorar a aparência do cabelo, não significa que devemos parar de utilizar os cosméticos. É como se fosse uma maquiagem, você vai parar de usar maquiagem só porque ela não ajuda a melhorar a pele? Não. Da mesma forma funciona com o cabelo, a dica é você encontrar um produto bom para usar como shampoo, e uma máscara boa para substituir o condicionador, que funcione bem para o seu cabelo e deixe ele com um toque gostoso e brilhoso. Se você observar cada máscara proporciona um efeito diferente no seu cabelo, uma deixa o cabelo mais liso e outra deixa mais ondulado… porque todas agem ‘maquiando’ o cabelo, com componentes que vão proporcionar um melhor aspecto ao cabelo naquele momento.

Obs 1- Se você usar uma máscara por muito tempo, que deixe o cabelo mais liso, penteável, brilhoso e macio… quando parar de usar ela, e trocar para outro produto que deixará o cabelo volumoso, cacheado e solto, momentaneamente o cabelo vai perder o aspecto de liso começar a ter esse aspecto de volumoso. Isso explica então que os produtos formam essas capas protetoras no cabelo cada um com um efeito diferente, e se pararmos de usá-las esses efeitos também não vão continuar.

Obs 2- Você não precisa fazer o uso de inúmeros tipos de máscara de hidratações, cada uma com uma função específica por exemplo: uma para nutrir, outra reconstruir e outra para hidratar, porque como vimos acima os componentes terão quase as mesmas funções no cabelo. Então se você comprar uma máscara que terá todas essas funções, vai economizar tempo e dinheiro. As máscaras mais caras não são as melhores, por isso indico você procurar em uma máscara com o efeito que você mais gosta no cabelo, por exemplo: eu gosto de produtos que deixem meu cabelo mais liso e mais pesado, dessa forma procuro produtos que vão proporcionar esse efeito.

Dúvidas frequentes:

* Porque produtos para reconstruação com queratina, deixou meu cabelo duro? Como vocês podem ler acima, a queratina é uma molécula grande e não consegue entrar no cabelo, assim ela fica apenas na parte de fora do fio formando películas. Quanto mais queratina depositada, maior a película formada e aí sim, o cabelo terá esse aspecto de duro. Não é porque reconstruiu de mais, e sim apenas pelo fato de um acumulo grande de queratina pro fora do cabelo.

* Queratina hidrolisada?– Essa dúvida é muito comum. Como a queratina não consegue entrar no fio e nem na pele, as empresas criaram um novo nome de: Queratina Hidrolisada. Uma queratina normal é formada pela junção de vários aminoácidos, quando quebramos a queratina (processo de hidrólise) ela perde a função de ser proteína. Imagina um copo, quando quebrado perde sua função de ser proteína, da mesma maneira funciona com a queratina.

* O cabelo acostuma com o produto? NÃO. Hoje em dia as pessoas estão com medo de lavar o cabelo, não usando mais produtos com sulfatos e não esfregando bem os fios durando as lavagens. O que acontece é uma deposição muito grande de componentes da superfície do fio que não é bem lavado e com o tempo o cabelo acaba ficando pesado, pois, produtos que possuem silicones na composição tendem a ser mais difícil de saírem apenas com lavagens comuns, e é isso que dá a impressão que o cabelo se acostumou com produto. Deve-se fazer então uma limpeza com shampoo anti-resíduos que tem o pH mais alto quer ajuda a retirar esses resíduos acumulados, dessa forma as máscaras voltaram a fazer efeito no cabelo.

Fontes de pesquisa: http://www.bibliotecadigital.unicamp.br/document/?code=vtls000212371&opt=4

http://books.google.com.br/books?id=P–X3L4EmmwC&pg=PA89&dq=Silicones+para+o+cabelo&hl=en&sa=X&ei=AevoU9WhE7HMsQSMwoCQAw&ved=0CDwQ6AEwAQ#v=onepage&q=Silicones%20para%20o%20cabelo&f=false

http://books.google.com.br/bookshl=en&lr=&id=xegEyVyKIXAC&oi=fnd&pg=PA7&dq=Emolientes+para+o+cabelo&ots=BOI53Wwp8l&sig=DM923MF_iEgOnTpj3Mop1binl_8#v=onepage&q=Emolientes%20para%20o%20cabelo&f=false

http://www.portaleducacao.com.br/Artigo/Imprimir/17465

http://books.google.com.br/books?id=MJcP4xb_YzsC&pg=PA102&dq=Queratina+hidrolisada-+não+é+queratina&hl=en&sa=X&ei=hWvpU7r1FMKN7QbAsoHwDQ&ved=0CCYQ6AEwAA#v=onepage&q=Queratina%20hidrolisada-%20não%20é%20queratina&f=false

http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/9/9139/tde-19012011-145405/pt-br.php

http://www.cosmeticsonline.com.br/2011/noticias/detalhes-colunas1/593/alimentos+e+cabelos

http://www.cosmeticsonline.com.br/2011/noticias/detalhes-colunas/3/novos+produtos+para+tratamentos+capilares

http://www.cosmeticsonline.com.br/2011/noticias/detalhes-colunas1/217/vitaminas+e+produtos+capilares:+ate+onde+vai+a+verdade?

Ana Júlia von Borell du Vernay França (graduada em Farmácia Industrial e especializada Tecnologia de Cosméticos) e Daniela da Silva (graduada em Farmácia Industrial e Mestrado em Ciências Farmacêuticas)

-Cosmetics &Toiletries vol.18. Dr. Valcinir Bedin SCHUELLER, R.; ROMANOWSKI, P. Iniciação a química cosmética: um sumário para químicos formuladores, farmacêuticos de manipulação e outros profissionais com interesse na cosmetologia. São Paulo: Tecnopress editora e publicidade LTDA, 2001 WILKINSON, John Bernard; MOORE, Raymond Jack. Cosmetologia de Harry. Madri: Ediciones Diaz Santos, 1990.